A Airfluencers preza pelo bem estar de seus cliente e funcionários!

Por conta do novo Coronavirus, a empresa toda fará home office de 16/03 a 20/03. Mas não é por isso que deixaremos de atendê-los da mesma forma de sempre!

Pedimos somente que, caso tenha alguma dúvida ou problema, nos contate pelo chat da plataforma (balãozinho rosa à direita da janela), site, e-mail, ou via direct de nossas redes.

Por Airfluencers

Em 22 de July de 2020

O mundo do ASMR ainda é pouco explorado por marcas no Brasil, por isso, nós decidimos criar a categoria de ASMR dentro da nossa plataforma para que as pessoas tenham acesso às informações dos influenciadores que falam sobre isso. 

Além disso, nosso time de pesquisa criou um estudo sobre o tema para tentar entender os gatilhos mentais do público que vem se beneficiando desse tipo de conteúdo e, principalmente como as marcas podem trabalhar com esses influenciadores que vêm crescendo exponencialmente ao longo dos anos.

Bom, vamos começar do começo, né? Primeiro é importante entender o significado da sigla “ASMR” e como ela surgiu. Então vamos lá!

A sigla em inglês para Autonomous Sensory Meridian Response significa Resposta Sensorial Meridiana Autônoma, ou seja, uma sensação agradável gerada no corpo por um estímulo externo, que nos vídeos de ASMR costuma ser sonoro ou visual. Pense em sequências que podem chegar a mais de 10 horas, de pessoas estourando um pedaço de plástico bolha, fazendo uma refeição, falando baixinho ou cortando barras de sabonetes coloridos, e por aí… 

 

Antes de 2010, o ASMR ainda não tinha um nome, não era conhecida e muitas pessoas que se beneficiam dessa alternativa não compreendiam o porquê e nem se manifestavam. Até que a jornalista Jennifer Allen, que se interessava muito por essa “terapia sonora”, decidiu procurar mais sobre o assunto. Ela participou do primeiro fórum sobre o tema em 2009, e criou a primeira comunidade no Facebook para que as pessoas pudessem compartilhar seus relatos com o ASMR (até então sem nome) e em 2010, em um desses fóruns, ela deu a sugestão do nome que é popularmente conhecido hoje. Allen escolheu as palavras considerando que elas tivessem os seguintes significados específicos:

Resposta (Response) – refere-se a uma experiência desencadeada por algo externo ou interno

Sensorial (Sensory) – referente aos sentidos ou sensação

Autônoma (Autonomous) – espontâneo, autônomo, com ou sem controle

Meridiano (Meridian) – significando um pico, clímax ou ponto de maior desenvolvimento

Ela propositadamente selecionou esses termos porque eram mais objetivos, confortáveis ​​e clínicos do que termos alternativos para a sensação. Allen explicou que selecionou a palavra “meridiano” para substituir a palavra “orgasmo” e disse que a definição de meridiano no dicionário é “um ponto ou período de maior desenvolvimento, maior prosperidade ou algo parecido”.

A mágica do ASMR e os seus gatilhos

Segundo um estudo de Craig Richard, especialista em ASMR e professor de psicologia da Shenandoah University em Virginia, as regiões do cérebro ativadas pela atenção pessoal implicadas em um vídeo ASMR são comparáveis às ativadas pelo carinho recebido na vida real, particularmente na estimulação emocional e na recompensa. “Uma pessoa finge proporcionar carinho como se fosse alguém que realmente se preocupa por nós”, explicou. Alguns, entretanto, não estão convencidos dos benefícios destes vídeos.

A maioria dos consumidores de conteúdo ASMR reportam que utilizam os vídeos para propósito de relaxamento, indução ao sono ou como alternativa para lidar com o estresse, crises de ansiedade e até mesmo pânico. Pesquisadores do Centro Nacional de Informações Biotecnológicas dos Estados Unidos entrevistaram 475 mulheres, homens e não-binários usuários para entender melhor os efeitos do ASMR no corpo humano.

Dentre os pesquisados, 82% usam a técnica para dormir, 70% disseram que o método ajuda a lidar com o estresse e 5% relataram que assistem aos vídeos para estimulação sexual. 

Além disso, há estudos que mostram que as crianças no espectro do autismo podem se beneficiar, tanto cognitivamente quanto emocionalmente do ASMR. A resposta sensorial do meridiano (ASMR) pode contribuir para a agregação de práticas terapêuticas voltadas ao desenvolvimento de indivíduos autistas. 

A mágica do ASMR está no gatilho que vai despertar as sensações prazerosas em quem assiste aos vídeos. Uma pesquisa da Universidade Swansea sobre o tema classificou um ranking dos favoritos:

Sussurros (75%)
Atenção pessoal (69%)
Sons nítidos (bater as unhas em objetos, arranhar, etc.) (64%)
Sons vagarosos (53%)
Sons repetitivos (36%)
Sorriso (13%)
Barulho de avião (3%)
Barulho de aspirador de pó (2%)
Risada (2%)
Fonte: Canaltech

 

Quem são os maiores influenciadores de ASMR no mundo?

O SAS-ASMR é o maior canal de ASMR do mundo com 8,76 milhões de seguidores no YouTube e 1,8 milhões no Instagram. 

A canadense/tailandesa SAS produz vídeos de ASMR com sons de comidas e faz Mukbang (outra sensação no YouTube onde pessoas comem grande quantidade de comida ao vivo).

É um canal que se utiliza de gatilhos como Eating e Mouth Sounds.

 

O Peaceful Cuisine possui 2,3 milhões de inscritos no YouTube, criado pelo japonês Ryoya Takashima que prega o low consumerism e a alimentação vegana. O canal mostra diversas receitas onde o som da preparação é a estrela do canal: grãos de café sendo escolhidos, frutas sendo cortadas, alimentos sendo cozidos, entre outros.

E se você pensa que os famosos pets estavam de fora dessa tendência, está muito enganado. Quando a gente fala que tem de TUDO neste mundo do ASMR é porque tem de TUDO MESMO.

Um dos maiores canais no mundo é do Golden Retriever Tucker, que possui 2,6 milhões de seguidores em seu Instagram @tuckerbudzyn e 2,11 milhões de inscritos no YouTube.

 

Outra que não poderia faltar, é a cadela Maya (da raça samoieda) que possui em seu perfil do Instagram (@mayapolarbear) cerca de 1,9 milhões de seguidores e em seu YouTube 1,65 milhões de inscritos. 

 

Já no Brasil, a Sweet Carol se tornou a maior influenciadora de ASMR, com 1.69 milhões de inscritos no seu canal. 

Inicialmente, seu canal era sobre dicas de beleza, tutoriais e vlogs, mas com o passar do tempo, ela começou a produzir conteúdos de ASMR, que fizeram com que ela crescesse muito e se tornasse a maior neste gênero. Hoje seu conteúdo é 100% focado nisso. 

 

Além da Carol, fizemos um top 5 dos maiores canais de ASMR no Brasil, olha só: 

Gaúcha ASMR, com 721 mil inscritos


Sabrina ASMR, com 432 mil inscritos

ASMR Adlipe, com 418 mil inscritos

Bella Sant, com 380 mil inscritos

ASMR lá nas alturas, com 185 mil inscritos

Como as marcas trabalham com esses influenciadores?

A Popeyes, rede de restaurantes americana recém-chegada ao Brasil, de propriedade do Burger King, explorou o fenômeno do ASMR em uma de suas campanhas. No vídeo, os youtubers Sweet Carol e Adlipe provam o cardápio da marca usando a linguagem característica dos vídeos que evidenciam o som de cada produto.

A campanha foi criada pelo nosso cliente, Fbiz com o objetivo de reforçar a crocância do cardápio da rede com os sons e sensações despertadas pelo vídeo.


(fonte: meio&mensagem)

A repercussão foi muito positiva. O vídeo tem mais de 260 mil visualizações e, analisando os comentários, além de falarem sobre os sons do vídeo, a audiência fala muito sobre o produto em si, o que mostra que eles criaram um interesse genuíno pela marca. 

 

Um dos cases mais famosos é o da marca de decoração europeia IKEA. Eles fizeram uma série de seis vídeos apresentando os seus produtos para o lar, como colchões, lençóis e cobertores, só que de uma forma… Peculiar. 

No vídeo, a narração toma conta, uma mulher sussurra enquanto descreve a qualidade dos produtos e passa as mãos delicadamente pelos lençóis, travesseiros e até arranhando os móveis com as unhas.

 

O vídeo tem mais de 2 milhões de visualizações e os comentários falam por si só: 

 

“Aumente o salário do time de Marketing. Eles arrumaram uma forma de fazer as pessoas assistirem um anúncio de 25 minutos. Absolutamente genial.”

Outro usuário, brincou:

“Pessoas: Vocês não podem fazer as pessoas assistirem um anúncio de 25 minutos

IKEA: Segura a minha cerveja” 

Alguns chegaram a comprar os produtos da marca após o vídeo, como foi o caso desse usuário, que comentou: “Não vou mentir, eu realmente fui a loja da IKEA e comprei umas coisas e agora meu apartamento inteiro está organizado. Marketing efetivo, feito da forma certa.” 

No Brasil, a cervejaria Bohemia fez uma campanha em parceria com a agência Crispin Porter + Bogusky Brasil, onde eles convidam os internautas a visitarem a Cervejaria Bohemia de Petrópolis. No vídeo, o garçom serve a bebida no copo e o som da cerveja se destaca, causando uma sensação de prazer. O vídeo tem apenas 15 segundos e mais de 14 milhões de visualizações. 

Pop-ups de ASMR no mundo

Muitas marcas foram além e criaram espaços interativos, como foi o caso da Coca-Cola que levou a tendência de relaxamento para Londres. 

Eles criaram uma experiência sensorial imersiva para sua marca Fuse Tea.

O ASMR Experience Rooms no Soho deu às pessoas a oportunidade de relaxar experimentando ASMR em primeira mão.

A experiência foi criada pela influenciadora de ASMR, Emma Smith (Whispers Red). Emma disse: “A ASMR é uma ótima maneira de relaxar e se acalmar após um dia agitado. Esse pop-up é uma forma divertida de aproveitar ao máximo o seu tempo de uso e experimentá-lo em primeira mão, aprender como o ASMR funciona e descobrir qual poderia ser o seu gatilho. ”

 

A instalação incluiu 5 salas de experiência e uma área de “sabor” para o Fuze Tea, onde os hóspedes podiam provar o chá. Os quartos eram:

Zona de introdução – onde os convidados relaxavam em pufes e ouviam o som suave de Whispers Red, enquanto ela apresentava as pessoas ao ASMR.

Zona de som – cinco pods nesta sala tinham sons diferentes no loop, todos baseados nos gatilhos ASMR mais populares: sussurros, secagem de cabelos, digitação, escrita e afagos.

Zona de gatilho – cinco estações que criaram um som diferente com base nos gatilhos ASMR mais populares: pacotes enrugados, arroz, lápis sobre papel, bolinhas gelatinosas e paus de chuva.

Zona de experiência – duas cúpulas coloridas em que você entrava e experimentava dois gatilhos de toque: uma massagem na cabeça e nos ombros e escovar o rosto.

Zona de toque – com tudo o que você toca sendo um gatilho, aqui você tocava nos painéis e ouvia atentamente para ver se havia alguma resposta do gatilho.

Resultado da campanha: Cobertura extensa na imprensa nacional e local, principais influenciadores e mídias sociais, com um alcance total de cobertura de 29 milhões de pessoas.


(Fonte https://www.comunicaffe.com/)

ASMR e as Celebridades

As celebridades também estão sendo muito cotadas para esse tipo de vídeo. Recentemente, o aplicativo de meditação Calm fez uma parceria com o cantor Harry Styles para narrar histórias de ninar, chamado de Dream With Harry (#DreamWithHarry). 

O objetivo de Harry era ajudar as pessoas a se desestressarem e melhorarem sua noite de sono neste momento de pandemia, o que ele definitivamente alcançou. O aplicativo chegou a travar por alguns instantes no lançamento e seu nome foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter por alguns dias. 

 

Não é a primeira vez que o aplicativo Calm faz parcerias com celebridades. Em 2018, quando o ASMR teve um crescimento estrondoso, o ator Matthew McConaughey também gravou um áudio de histórias para dormir. 

 

 

Outro vídeo que viralizou foi o da cantora Cardi B. Ela fez um ASMR de 13 minutos em parceria com a W Magazine e adivinha? Teve mais de 40 MILHÕES de visualizações. Os comentários foram super positivos e muitas pessoas até declararam ter visto o vídeo mais de uma vez.  

 

Conclusão

Esses influenciadores são pessoas que se conectam da forma mais profunda possível com os seus seguidores. Eles despertam sensações, relaxam, aliviam o estresse ajudam as pessoas a dormirem e muito mais. Isso faz com que os ouvintes se conectem da forma mais profunda com eles. Não são poucos os relatos de ouvintes neuro atípicos que reduziram suas crises ouvindo ASMR. Não, nem todos vão se beneficiar deste tipo de conteúdo, mas temos certeza que se você perguntar para o seu grupo de amigos e familiares, pelo menos um vai te dizer que ouve ou assiste com frequência. 

Durante a pandemia, o crescimento é ainda maior pois estamos vivendo momentos de incerteza e o consumo de ASMR pode ter alto engajamento com diversas categorias de produtos como: alimentos, produtos de beleza, maquiagem, esmaltes, produtos de decoração e relaxamento em geral.

Como os gatilhos diferem de pessoa para pessoa, é recomendável que as marcas se tornem parceiras dos canais, pois os denominados ASMRtists (influenciadores de ASMR)  já conhecem os gatilhos que funcionam com a sua audiência e podem ajudar as marcas a se comunicarem com elas. Na nossa plataforma, criamos uma categoria para o ASMR, onde você encontra os influenciadores que tem mais a ver com a sua marca e pode te ajudar a criar uma campanha de sucesso com o uso dessa técnica que vem crescendo.